Administração do TJRR conhece implantação do eproc no Judiciário gaúcho

 Administração do TJRR conhece implantação do eprocno Judiciário gaúchoPresidente e Corregedora recepcionaram Magistrados visitantesO Presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, Desembargador Carlos Eduardo Zietlow Duro, recebeu a visita do Presidente do Tribunal de Justiça de Roraima, Desembargador Mozarildo Monteiro Cavalcanti, do Corregedor-Geral de Justiça daquele Estado, Desembargador Almiro José Mello Padilha, e do Juiz Auxiliar da Presidência do TJRR Aluízio Ferreira. A Corregedora-Geral da Justiça do TJRS, Desembargadora Denise Oliveira Cezar, acompanhou a visita. O Presidente Duro presenteou seu colega de Roraima com o livro Um Palácio para a Justiça ¿ as Sedes do TJRS.Os Magistrados visitantes vieram ao RS para conhecer mais sobre a implantação do eproc no Tribunal de Justiça, a partir da cedência do sistema pelo TRF4. O Tribunal gaúcho fez adaptações necessárias ao seu ambiente digital e o sistema está sendo implantado com sucesso. O eproc já é obrigatório em Porto Alegre em matéria cível e de família, além de comarcas do interior. Até o final do ano será obrigatório em todo o Estado. A matéria criminal deve avançar ao longo de 2020.Des Carlos Duro presenteou Des Mozarildo com um livroDepois da troca de informações, no gabinete da Presidência, os visitantes foram até a 8ª Vara de Família, que é 100% digital, para conversar com a Magistrada e servidores. A Desembargadora Denise Cezar e a Juíza Corregedora Rosane Garbin acompanharam os visitantes.   EXPEDIENTETexto: Carlos Alberto Machado de SouzaAssessora-Coordenadora de Imprensa: Adriana Arendimprensa@tj.rs.gov.br Publicação em Thu May 23 11:31:00 BRT 2019 Esta notícia foi acessada: 20 vezes.
23/05/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia